Imagem capa - O guia definitivo sobre como escolher o fotógrafo do casamento por Ricardo Clavello
Casamentos

O guia definitivo sobre como escolher o fotógrafo do casamento


Organizar um casamento é embarcar na realização de um sonho, mas, sem dúvidas, essa é uma tarefa que envolve uma busca árdua e detalhada por fornecedores. Entre os principais, estão os de fotografia. Por isso, como escolher o fotógrafo do casamento é uma dúvida que toma os noivos nos primeiros meses de preparação.


Cada vez mais importante nos casamentos, o fotógrafo capta momentos únicos e transforma esses instantes em arte. 


É assim como as lembranças dos casamentos são criadas e ficam disponíveis para toda a sua vida, se você souber como escolher bem o profissional.


Escolher o fotógrafo é uma das coisas mais importantes que se pode fazer para o seu grande dia. E talvez esteja aí uma das tarefas mais difíceis também. 





Afinal, a gente sabe a escolha requer muito mais do que estrutura ou histórico dos profissionais: é necessário adequar o seu orçamento a um trabalho de qualidade.


Muito mais do que equipamentos de fotografia modernos e tecnológicos, o senso de responsabilidade, o  profissionalismo e a sensibilidade são características do fotógrafo que devem ser consideradas.


Se você está no momento de fechar um dos contratos mais importantes da sua noite, é melhor continuar a leitura. Separei conselhos valiosos sobre como escolher o fotógrafo do casamento.


Antes de fazer sua escolha, entenda as frustrações de outras noivas


Antes de você organizar o seu casamento, tenho certeza que muitas amigas e mulheres da família precisaram fazer o mesmo e, por isso, vivenciaram os mesmos dilemas que você vive hoje.


Por isso, para entender como escolher o fotógrafo do casamento, converse com suas conhecidas e busque entender suas expectativas e frustrações.


Quanto à fotografia, infelizmente a oferta no mercado é ampla, o que não quer dizer sinônimo de qualidade.




Dessa forma, muitos noivos acabam por optar por fornecedores que cabem no bolso ou até mesmo aliviam o orçamento - porém, muitas vezes, o resultado torna-se frustrante.


Sendo assim, reuni algumas das principais frustrações quanto à fotografia que já ouvi de muitas amigas que já se casaram. 


Muitas dessas queixas vão te ajudar a se prevenir para que a falha não venha a ocorrer no seu grande dia e você fique satisfeita com os registros fotográficos.



  1. 1. Não contratei o fotógrafo dos meus sonhos


Desejar um trabalho e contratar outro é a receita para fracassar na construção das maiores lembranças do seu casamento. 


De acordo com uma pesquisa da revista Marièe, o maior arrependimento das noivas é, justamente, não ter contratado o fotógrafo que ela sonhou.


Você pode até contratar um profissional com estilo semelhante daquele que te faz brilhar os olhos. Mas lembre-se que nenhum artista realizará uma obra igual ao outro. 


Dois fotógrafos podem até seguir a mesma escola/estilo, porém o olhar de cada um depende das experiências pessoais e vivências individuais. 


Portanto, batalhe pelo profissional dos seus sonhos. Negocie! Caso o problema seja orçamento, ajuste-o, abrindo mão de alguns itens menos relevantes.


  1. 2. Minhas fotos não condizem ao portfólio mostrado


Ao contratar o serviço de fotografia, a noiva se depara com um portfólio amplo, robusto, alegre e cheio de fotos espontâneas. Depois do grande dia, o seu resultado parece muito diferente.


Muitas vezes, a incompatibilidade ocorre a partir do momento em que a noiva limita o trabalho do fotógrafo, enviando várias fotos de referência, por exemplo.


O boicote artístico é uma das principais angústias da maior parte dos fotógrafos. Sem liberdade criativa concedida por parte da noiva, a naturalidade se esvai.


Dessa forma, é vital ter em mente que, para saber como escolher o fotógrafo do casamento perfeito, você deve limitar-se nos pitacos!


Expressões artísticas exigem liberdade para que culminem no desenvolvimento de obras únicas e de valor inestimável.



  1. 3. Não me senti confortável na presença do fotógrafo


Muitas noivas relatam que, durante a cerimônia e o casamento, sentiram arrogância por parte do fotógrafo e, muitas vezes, ele não parecia conhecer o estilo do casal.


Conhecer intimamente o fotógrafo é essencial para criar a conexão necessária entre vocês.


Lembre-se que as imagens irão expressar o seu humor e, se você não estiver plenamente à vontade com quem clicou, a decepção está garantida. 


Acompanhe as redes sociais do seu fotógrafo, converse com ele e, se possível, marque ensaios prévios.


  1. 4. Perdi parte da festa posando para fotos


Ninguém merece uma cerimônia e uma festa que parecem existir apenas em fotos, né? Seu dia está aí para ser curtido ao máximo!


Muitas noivas reclamam das horas e horas que perderam posando em frente às câmeras - muitas vezes, para gerar fotos pouco criativas.


Dessa forma, procure um fotógrafo que tenha agilidade quanto às fotos protocolares e que, acima de tudo, priorize por captar momentos espontâneos e emoções suas para com seus convidados.


  1. 5. Não tenho fotos com pessoas queridas


Em contraste com a frustração anterior, não registrar a família e amigos, pode gerar um grande arrependimento nas noivas.


Sendo assim, é fundamental buscar um fotógrafo que tenha sensibilidade sobre a sua relação com as pessoas à sua volta e que, sobretudo, busque registrar os nomes das pessoas especiais para você e faça questão de clicá-los ao lado do casal no grande dia.



  1. 6. Não há registros da festa


Essa infelizmente é uma frustração recorrente entre as noivas: o fotógrafo chega, clica a cerimônia, faz umas fotos protocolares e, no auge do grande dia, não se vê mais a equipe.


Busque fotógrafos com horas de cobertura flexíveis e que valorizem os registros espontâneos - sobretudo aqueles da pista de dança bombando.


Além disso, estipule um horário coerente de trabalho juntamente com o seu fotógrafo, que inclua períodos de descanso e alimentação.




  1. 7. Casei há mais de três meses e ainda não vi as fotos


A demora na entrega das fotos do grande dia é um pesadelo muito recorrente entre as noivas. 


É claro que o processo pós-evento, de edição e tratamento das imagens pode levar muitas horas de trabalho ininterruptas. 


Além disso, o fotógrafo tem diversos trabalhos paralelos para concluir e, por isso, naturalmente a entrega não será expressa.


Portanto, procure profissionais que te dê liberdade para definir em contrato os prazos máximos admitidos. 


Períodos de até 60 dias são comuns. Flexibilize se for necessário, porém exija e verifique se o profissional irá oferecer feedback constante.


Noiva e convidadas descontraídas - Foto premiada no 3º Round da Bride Association - fotografo de casamentos rj, fotografia de casamentos rj, fotografo de casamentos, fotografo de casamento, casamentos, casamento, casamentos rj, casamentos em rio de janeiro, fotografia de casamento niteroi, fotografo de casamentos niteroi, fotografo para casamento, fotos para casamento, fotografia profissional, fotografo casamento rj, fotografo de casamento rio de janeiro, fotografo casamento, fotografia casamento, fotos de casamento


Como escolher o fotógrafo do casamento em 10 passos infalíveis


Conhecendo os aspectos que podem frustrar uma noiva quanto à fotografia, a busca pelo fotógrafo ideal torna-se muito mais fácil.


Agora, além de precaver-se de profissionais que não irão decepcioná-la com os aspectos acima, posso listar 10 pontos a serem considerados para tomar a decisão correta. Confira!


  1. 1. Tenha em mente o estilo de fotografia que você gosta


Você deve estar se perguntando: “Ricardo, como vou escolher o estilo se eu não entendo de fotografia?”. Então vou te explicar sobre os dois tipos mais comuns.


  • Clássico


Se parece mais com as fotografias realizadas antigamente. A fotografia clássica geralmente é mais estática e privilegia fotos mais posadas, em detrimento de momentos mais espontâneos. 


Geralmente os fotógrafos que têm o estilo clássico intervêm mais nas cenas e, geralmente, a iluminação é mais uniforme, fazendo fotos mais claras mesmo em ambientes que estão escuros, sendo auxiliado por flashes.




  • Fotojornalismo 


Esse é o meu estilo de fotografia. É mais moderno, que privilegia momentos mais espontâneos, sem interferência do fotógrafo nas cenas que estão acontecendo.


A prioridade desse estilo é a captação de momentos emotivos, que tornam as imagens passíveis de contar histórias.


É claro que ser adepto de um estilo, não impede que o fotógrafo realize fotos dentro da outra linha.


Eu mesmo adoro fazer ensaios, então, geralmente tentamos, junto à organização do casamento, que a noiva fique pronta antes do tempo para fazermos lindas fotos dela pronta.


Não é por nada não, mas se eu fosse você, escolheria o segundo!


  1. 2. Separe os fotógrafos favoritos dentro do estilo escolhido


Estamos na era digital, onde podemos, rapidamente, ver diversos trabalhos de cada profissional. Portanto, é importante que você olhe os portfólios antes de pedir um orçamento.


Você certamente se identificará mais com fotos, luz e ângulos utilizados por alguns fotógrafos. Também perceberá que a personalidade de cada fotógrafo geralmente está impressa naquelas fotos.


Eu, particularmente, sou uma pessoa descontraída e espontânea, gosto mais de fotos das pessoas se divertindo e fazendo uma boa farra na festa, então, é geralmente isso que busco durante as festas de casamentos: sorrisos, diversão e pessoas felizes.


Uma boa dica para a seleção e desempate dos profissionais é buscar aqueles que são reconhecidos dentro de algum meio. 


O mercado hoje é muito extenso e talvez você não se sinta apta para escolher, mas temos grandes associações de fotografia no mundo (Inspiration Photographers, Bride Association, FineArt Association, MyWed, Fearless Photographers, ISPWP, WPJA, por exemplo) que aceitam somente os principais fotógrafos e criam rounds de premiação das melhores fotos de casamento, sendo que os jurados sempre são fotógrafos de referência nacional e mundial.


Uma boa pedida é pensar em fotógrafos que participem de associações e/ou já tenham sido premiados anteriormente.


Felizmente, já fui premiado na Inspiration Photographers, na Bride Association e na FineArt Association, as três associações mais presentes no Brasil.


  1. 3. Consulte trabalhos anteriores e peça recomendação


Nada melhor do que certificar a credibilidade de um profissional analisando a opinião de quem já experimentou o serviço.


Em geral, as fichas e sites dos fotógrafos estão repletos de trabalhos anteriores, isto é, casamentos, pré-weddings, e outras sessões que podem servir de inspiração e para que você conheça melhor a arte do fotógrafo.




A partir daí, pode conferir opiniões, tentar entrar em contato com noivos que já contrataram esse serviço e procurar recomendações em sites especializados.


  1. 4. Tenha um orçamento, mas seja flexível


O seu orçamento para a fotografia precisa ser condizente com o orçamento do seu casamento, mas não deve ser inflexível. 


É importante lembrar que fotógrafos não entregam um trabalho padrão, que pode ser tocado ou degustado, como lembrancinhas ou docinhos. Estamos falando de registros que daqui a 30, 40, 50 anos serão parte da memória da sua família.


Economizar sempre é bom, mas é importante fazer isso com sabedoria. Busque aproveitar condições especiais, mas, quando receber o orçamento dos fotógrafos que você se interessou, não o descarte imediatamente.


Pense se você pode flexibilizar seu orçamento para investir um pouco mais e garantir os registros que você sonhou.



Verifique condições de pagamento à vista e a prazo, além de eventuais descontos ou acréscimos em parcelamentos. Barganhe com o fotógrafo dos sonhos!


Mas jamais feche a mão para escolher o profissional que você tanto deseja. O valor das fotos é inestimável. 


Quer uma prova? Pegue aquele álbum de fotografias do casamento dos seus avós. Por quanto você venderia essas memórias da sua família?


  1. 5. Visite os profissionais


Você prova os docinhos do casamento, experimenta diversos bem-casados, inspeciona as casas de festas e prova os vestidos.


Mas, já parou pra pensar que precisa também ter o mesmo cuidado com o responsável por contar a história do seu casamento e gerar as memórias que perdurarão na sua família?


Portanto, depois de descobrir os fotógrafos que você mais gostou e cabem no seu orçamento, marque reuniões presenciais! 


É importante você saber se a personalidade do fotógrafo está de acordo com o que você deseja encontrar no profissional.




Eu, por exemplo, sempre gosto de encontrar os noivos ouvir mais sobre o estilo do casamento, o local, o que estão pensando em termos de organização, possíveis surpresas e ideias que tiveram.


Eu realmente me importo com as pessoas que se irão se casar, porque acredito que o carinho e a felicidade no trabalho ajudam a obter resultados excelentes. E esse é o desejo de muitos profissionais!


Fotógrafos mais descontraídos e simpáticos geralmente podem fazer o dia do casamento, que é repleto de felicidade (mas de tensão também) mais fácil, já que estará ali sendo mais uma pessoa com pensamentos positivos.


Além de tudo, é importante que o profissional lhe passe total confiança, mostrando estar completamente seguro para fazer a cobertura de um evento como o seu.


A visita ao fotógrafo é importante também para que você veja mais das fotos impressas, verificando se elas ficam legais nos álbuns e se os trabalhos apresentam uma boa dose de consistência de qualidade do início ao fim.


  1. 6. Compare valor, não preço


Preços são somente números, mas valor é bastante subjetivo. Vou te apresentar duas situações em que você entenderá porque deve pagar por valor.


Qual profissional teria mais valor para você? O primeiro deles cobra R$5.000, mas não se mostra disponível para ajudar na tomada de qualquer decisão referente à luz de decoração, ao horário que você deve estar pronta para fazer fotos com o vestido de noiva e não te ajuda a planejar o horário do seu casamento para pegar o pôr do sol perfeito.


Alianças da mão do filho dos noivos - fotografo de casamentos rj, fotografia de casamentos rj, fotografo de casamentos, fotografo de casamento, casamentos, casamento, casamentos rj, casamentos em rio de janeiro, fotografia de casamento niteroi, fotografo de casamentos niteroi, fotografo para casamento, fotos para casamento, fotografia profissional, fotografo casamento rj, fotografo de casamento rio de janeiro, fotografo casamento, fotografia casamento, fotos de casamento



Fique atenta ao valor, não somente ao preço! Memórias têm valor. Uma "foto" tem preço. Nessa foto, as alianças estão na mão do Caio, filho dos noivos Lais e Rodrigo. Essa foto só foi possível por entendermos o valor da família pra eles.


Em contrapartida, você tem profissional que cobra um valor um pouco superior, mas se põe à disposição para fazer reuniões mostrando o que uma luz verde pode fazer no seu casamento (acreditem, é terrível!), mostra ferramentas que calculam o horário que o sol irá se pôr e ainda manda um planejamento do dia da fotografia.


O valor agregado do segundo é muito maior, né? Afinal, você não estará pagando apenas por imagens, mas sim por uma solução completa em fotografia.


Outra situação interessante a se pensar é: vale mais o fotógrafo que se dispõe a cobrir somente uma quantidade de horas ou que tenha uma opção de cobertura ilimitada? Já pensou se a festa ainda está rolando, a pista de dança está bombando, mas o contrato dele acaba?


No final das contas, qualquer fotógrafo que você contrate, irá lhe entregar fotos digitais, fotos impressas ou um álbum. 


Mas quem será capaz de te ajudar, de ser agradável e de tornar seu casamento memorável? Uma fotografia tem preço. Uma memória tem valor.


  1. 7. Faça uma avaliação das questões burocráticas


Uma boa dica sobre como escolher o fotógrafo de casamento é também ter atenção ao compromisso dele com questões burocráticas e contratuais. Portanto, busque se informar sobre:


  • O que está incluído no preço?


Há assistentes para o dia? A pós-produção está incluída? Às vezes, há extras que derrubam as ideias iniciais e é melhor saber tudo de antemão. 


Tudo o que infla o preço, tanto no local de ação quanto na sala de pós-produção, deve estar detalhado.


  • Quantas horas de trabalho estão incluídas?


Você precisa saber quanto tempo dura o serviço, seu preço por horas e o tempo que será dedicado à edição das fotografias. Tudo isso é relevante para estabelecer um preço final.


Noiva pronta - fotografo de casamentos rj, fotografia de casamentos rj, fotografo de casamentos, fotografo de casamento, casamentos, casamento, casamentos rj, casamentos em rio de janeiro, fotografia de casamento niteroi, fotografo de casamentos niteroi, fotografo para casamento, fotos para casamento, fotografia profissional, fotografo casamento rj, fotografo de casamento rio de janeiro, fotografo casamento, fotografia casamento, fotos de casamento

Com um bom planejamento, você pode separar tempo para fazer lindas fotos pronta, gerando ainda mais materiais lindos!


  • Como trabalha nos casamentos?


Desde a montagem até a execução das fotos, é preciso conhecer desde o princípio tudo o que envolve o trabalho de um fotógrafo. 


Ele deve explicar para vocês como ele costuma atuar, se fala com o noivos ou convidados, se é totalmente independente e se dedica uma parte à fotografia natural e outra à tradicional.


  • Como receber as fotos?


Entenda qual formato e resolução, quantas fotos você receberá e prazo de entrega. Os tempos de entrega, por exemplo, são essenciais para saber quando vocês poderão desfrutar das fotos. 


No entanto, lembre-se que esse é um trabalho que requer tempo e o prazo de entrega pode ser diferente de acordo com cada profissional. 


Pode variar entre vários meses, então não é uma má ideia se informar sobre esses prazos antes de contratar o fotógrafo.


  • Tudo deve estar por escrito no contrato 


Para finalizar, tudo o que vocês combinarem deve estar formalizado em um contrato escrito. 


Nesse momento, tudo será vinculativo e você poderá agir caso o acordo não seja cumprido. Revise os termos e evite surpresas.


  1. 8. Verifique os benefícios e adicionais


Há muito tempo a fotografia de casamento não se restringe às fotos no dia da cerimônia. A relação com o fotógrafo começa muito antes: no ensaio pré-casamento, passando pelo making of da noiva e do noivo.


Como já falei em um outro artigo, essa é uma oportunidade única de, além de viver um raro momento a dois no corre corre dos preparativos, de conhecer o fotógrafo.


O making of da noiva, por exemplo, consegue registrar a delicadeza da preparação, bem como a emoção dos instantes anteriores junto à mãe e as madrinhas. 


Casal correndo na praia com o cachorro - fotografo de casamentos rj, fotografia de casamentos rj, fotografo de casamentos, fotografo de casamento, casamentos, casamento, casamentos rj, casamentos em rio de janeiro, fotografia de casamento niteroi, fotografo de casamentos niteroi, fotografo para casamento, fotos para casamento, fotografia profissional, fotografo casamento rj, fotografo de casamento rio de janeiro, fotografo casamento, fotografia casamento, fotos de casamento

Pre-Wedding da Nathália e do Bruno, que conhecemos ainda o cachorrinho dela. No dia do casamento ficou muito mais fácil conduzir algumas situações pois eles já conheciam minha personalidade e eu a deles. Inclusive, tem um depoimento da Nathália aqui no site que é sensacional!


O making of do noivo, por sua vez, é um olhar pela intimidade dele que, muitas vezes, passa despercebida.


Além disso, há outros artifícios que devem ser levados como um diferencial na hora de fechar um contrato: réplica do álbum para os pais, fotógrafo extra, slideshow exclusivo dos ensaios e mais.


  1. 9. Tire suas dúvidas


Para saber como escolher o fotógrafo do casamento, você deve tirar todas as suas dúvidas e, assim, escolher o profissional que consiga saná-las e não hesite diante delas.


Separei algumas perguntas que um bom fotógrafo deve saber atender e que você precisa ter esclarecidas para contratar um bom serviço:


A. Você saberia definir o estilo da sua fotografia?

(Se o profissional não sabe definir qual é seu estilo, é um mau sinal...)

 

B. Quantas fotos, em média, você costuma entregar por casamento?

(É importante saber, para alinhar suas expectativas com a entrega do profissional)

 

C. Você trabalha sozinho ou com uma equipe?

(Importante para você se planejar e entender melhor como é o trabalho do fotógrafo)

 

D. Quais os álbuns que você trabalha e seus valores?

(Fotografia impressa é uma delícia!)

 

E. O que compreende a cobertura do casamento?

(Certifique-se de que o making of está incluído na proposta e se algo que você gostaria de ter é um opcional)


F. Que horas você chegará e que horas irá embora?

(Não adianta o profissional ir embora 4h antes da recepção acabar, por exemplo. Imagina quantos momentos ele irá "perder"!)


G. Você trabalha em regime de horas ou por evento? Se em regime de horas, qual é o valor da hora extra?

(Lembre-se que sua festa pode acabar se estendendo ou acontecendo atrasos, por isso, é importante saber de possíveis custos)


H. Você monta para mim um planejamento do seu dia de trabalho na cobertura?

(Um profissional organizado certamente aproveitará melhor o tempo disponível que vocês têm, mesmo que trabalhe em regime de horas)


I.Qual o prazo de entrega do trabalho?

(Não adianta casar e só receber as fotos um ano depois, não é mesmo?)


J. Quais as condições de pagamento?

(Descontos à vista ou quantidade de parcelas podem determinar se o trabalho cabe no seu bolso, é importante perguntar!)


  1. 10. Verifique a possibilidade de contratar um ensaio pré-casamento


Como eu disse anteriormente, o ensaio pré-casamento pode parecer que é só uma sessão de fotos, mas na verdade, além das fotos lindas, vocês terão um momento de convivência com o fotógrafo que você escolherá para eternizar o seu grande dia.


É importante que vocês criem a sinergia necessária com o fotógrafo para ter um casamento ainda mais perfeito!



Dessa forma, dê preferência aos profissionais que ofereçam essa oportunidade de relacionamento antes do grande dia.


Ufa! Chegamos ao fim da jornada sobre como escolher o fotógrafo do casamento. Como você pôde perceber, essa é uma escolha delicada, em que você deve priorizar o valor das imagens, a qualidade do trabalho digital e impresso e também o bom relacionamento.


Casal descontraído no ensaio Pre-Wedding - fotografo de casamentos rj, fotografia de casamentos rj, fotografo de casamentos, fotografo de casamento, casamentos, casamento, casamentos rj, casamentos em rio de janeiro, fotografia de casamento niteroi, fotografo de casamentos niteroi, fotografo para casamento, fotos para casamento, fotografia profissional, fotografo casamento rj, fotografo de casamento rio de janeiro, fotografo casamento, fotografia casamento, fotos de casamento



Foto de um ensaio pré casamento - A foto é bem descontraída, já que eu brinco com o casal o tempo todo durante um ensaio. Funciona bem, já que, por não serem modelos, serão naturalmente mais travados. A descontração então faz os sorrisos aparecerem mais naturalmente! 


Agora, se você ainda não tem um fotógrafo para o seu casamento, que tal me dar a honra de apresentar o meu trabalho? Entre em contato comigo para saber mais do que posso oferecer para registrar este momento especial!



Gostou das dicas sobre como escolher o fotógrafo do casamento? Estou sempre oferecendo diversas dicas sobre casamento no meu blog. Para recebê-las no seu e-mail, inscreva-se!

Cadastre-se na lista de dicas!

* indicates required
/ / ( dd / mm / yyyy )